A Boeing realizou hoje a entrega do primeiro 737 MAX para uma companhia da América Latina, a Aerolíneas Argentinas.

Com alcance de 6510 km, o MAX 8 da Aerolíneas está configurado com 170 assentos. O primeiro voo foi entre Buenos Aires e Mendoza.

A Aerolíneas Argentinas está experimentando um forte crescimento, com um aumento de 15% no tráfego de passageiros no ano passado e um aumento de 22% desde 2015. Para suportar esse crescimento, a companhia aérea planeja receber 12 aviões MAX e usá-los em voos regionalmente e, mais tarde em 2018, para o Caribe .

A Aerolíneas Argentinas planeja receber mais um 737 MAX 8 até o final de dezembro, além de outros três em 2018. No total a Aerolíneas Argentinas tem 11 encomendas para o 737 MAX.

Enquanto isso, a Aerolíneas continua avaliando suas necessidades para o futuro. A companhia atualmente opera seus voos de média e longa distância com os Airbus A330 e A340, mas está avaliando o Boeing 787 e Airbus A350 para substituir essas aeronaves. A Aerolineas planeja reduzir sua frota de 4 aviões A340-300 para somente dois no início de 2018, e eliminará os restantes até o final de 2018.

 

This post is available in: pt-brPortuguês