Aeroportos News

Aeroporto de Joinville completa 44 anos

Foto - Divulgação/Infraero

O Aeroporto Lauro Carneiro de Loyola, em Joinville (SC), completou neste sábado (23/7) 44 anos de operações. Para comemorar a data, a Infraero disponibilizou, em frente ao aeroporto, a placa de inauguração do primeiro terminal de passageiros da cidade, que na época chamava-se Terminal de Passageiros do Cubatão. No fim da década de 1990, a estrutura foi demolida para dar lugar ao novo aeroporto.

“A placa de inauguração, incrustada em uma pedra, ficou esquecida com as obras do novo terminal de passageiros, e, quando encontrada, foi armazenada em uma área interna do aeroporto”, disse o superintendente Rones Rubens Heidemann. “A instalação dessa placa na área externa do terminal valoriza a história da cidade e da aviação no estado de Santa Catarina”.

Os passageiros que chegam a Joinville encontram um aeroporto com 4 mil m² e capacidade para atender até 800 mil usuários por ano. São 15 posições de check-in, um sistema automatizado para informação dos voos, além de um terraço panorâmico com conforto e acessibilidade. O terminal dispõe ainda de restaurantes, cafeterias, bombonière, lanchonetes – incluindo a marca “Lanche Popular” -, lojas de artesanato, revistaria, locadoras de veículos, agências de turismo, caixas eletrônicos, entre outras facilidades.

O nome do aeroporto foi dado em homenagem ao empresário e político Lauro Carneiro de Loyola que, durante sua carreira política, foi cônsul da Bélgica em Joinville e, por quatro vezes, eleito deputado federal por Santa Catarina.

Foto - Divulgação/Infraero
Foto – Divulgação/Infraero

No início deste mês, a Infraero abriu um novo portão na sala de embarque. A medida facilita os embarques simultâneos das companhias aéreas que operam no terminal, otimizando o fluxo e trazendo mais conforto e agilidade às operações. Ainda neste ano, em abril, foram concluídas as obras de grooving na pista de pousos e decolagens. Com investimentos de R$ 1,63 milhão, os trabalhos contemplaram pequenos cortes transversais ao longo de toda a extensão da pista, e ampliaram o coeficiente de atrito entre a pista e os pneus das aeronaves, trazendo ainda mais segurança aos passageiros.

Em 2014 foram concluídas as obras da nova sala de embarque do terminal catarinense. Com a medida, a área passou de 259 m² para 382m². Naquele ano, também entrou em operação o Sistema ELO. Os dois conectores, compostos por um conjunto de corredores climatizados, localizados no mesmo nível do solo, aprimoram os procedimentos de embarque e desembarque de passageiros no terminal. O equipamento, no qual foram investidos R$ 4,21 milhões, prioriza o atendimento pleno às pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida e traz mais conforto aos viajantes que chegam ou partem da cidade.

Antes disso, o aeroporto já havia recebido o Sistema de Aproximação por Instrumentos – Categoria 1. Também conhecido por ILS, do inglês, Instrument Landing System, o sistema reduz o número de cancelamentos de voos devido ao mau tempo e, com isso, favorece diversos setores da cidade, em especial o turístico e empresarial.

 

Fonte – Infraero

About the author

Redação Aeroflap

Redação Aeroflap

Newsletter

[newsletter_signup_form id=1]

Facebook

Em busca de hotel?


Share This