O Aeroporto de Natal recebeu 30 convidados para acompanhar a chegada do Antonov 124-100 ao Terminal potiguar nesta quinta-feira (26). Depois de decolar de São José dos Campos, em São Paulo, o segundo maior cargueiro do mundo pousou na capital potiguar para reabastecimento e seguiu viagem para Dacar, no Senegal.

A aeronave permaneceu duas horas em solo e foi fotografada e admirada pelo grupo de spotters e convidados pela Inframerica. Nem mesmo a chuva ou o atraso de mais de uma hora do voo afastaram o interesse dos espectadores. Moradores de Natal e de ascendência ucraniana, os Antonow acompanharam o evento do início ao fim. Pai, mãe e dois filhos disseram ter “recebido com muita alegria a chegada de um primo distante”.

Foto – Aeroporto de Natal/Divulgação

O imponente avião com capacidade de carga de 150 toneladas pousou no Terminal às 21h30 (22h30 no horário de Brasília) e permaneceu em solo cerca de duas horas para o reabastecimento. A última vez que uma aeronave do tipo esteve na capital potiguar foi em 2010 no antigo terminal aéreo.

A Inframerica celebrou a chegada do cargueiro e reafirma que a pista do Aeroporto de Natal tem total capacidade para atender operações do tipo.

Foto – Aeroporto de Natal/Divulgação

Recém-reformada, a pista tem comprimento de 3000 metros e largura de 60 metros, é a maior pista do Nordeste brasileiro e uma das poucas do Brasil com este porte. A infraestrutura do Terminal aéreo foi desenhada para operar com qualquer tipo de aeronave existente.

 

COMPARTILHAR