Boeing e Air China revelaram oficialmente o primeiro 787-9 Dreamliner da companhia aérea para o público hoje em uma grande cerimônia em Pequim . A transportadora chinesa é a primeira companhia aérea do país a ter um 787-9 a ter entrado em serviço.


“O 787-9 Dreamliner emprega um grande número de tecnologias de ponta representados por seu sistema de processamento electrónico e ampla aplicação de materiais compósitos”, disse o comandante Wang Yingnian, piloto-chefe da Air China. “Como tal, vanta também de baixo consumo de combustível, baixo nível de emissões e menor ruído, que são altamente alinhada com a idéia de vôo Green que a Air China tem sido um defensora”.

Este é o primeiro dos 15 Dreamliners que se juntarão á frota da Air China.


O 787-9 complementa e amplia a família 787. Com a fuselagem esticada de 6 metros em confronto ao 787-8, o 787-9 vai voar com 40 passageiros a mais e um adicional de 285 milhas náuticas (830 km) com o mesmo excepcional desempenho ambiental – 20 por cento menor utilização de combustíveis e 20% menos emissões do que os aviões de tamanho similar.

O 787-9 aproveita o design visionário do 787-8, oferecendo aos passageiros recursos como janelas grandes, espaçosos bins, iluminação LED moderna, maior umidade e um ar mais limpo


“Acreditamos que o 787-9 vai se tornar a espinha dorsal de rotas de longa distância internacionais da Air China e irá desempenhar um papel importante no apoio a estratégia de desenvolvimento internacional da Air China”, acrescentou o capitão Wang.

COMPARTILHAR
Augusto Hardke Fernandes

Sou responsável pela criação e manutenção da infraestrutura tecnológica da Aeroflap e pela relação entre a mesma e o público. O meu objetivo é manter um alto nível de suporte e uma boa interação do internauta com o site, melhorando e trazendo novidades.