Amanhã começa o Dubai Airshow, um evento que com certeza envolve muito dinheiro, e a Airbus já está começando a levar suas apostas para os Emirados Árabes Unidos, como uma forma de obter algumas vendas.

Além do A350-900 que pousou por lá ontem, com uma configuração dedicada para companhias aéreas, a Airbus também levou o ACJ319, como forma de impressionar os milionários e bilionários de Dubai que precisam de um avião para uso próprio.

Para isso o ACJ319 está com uma cabine super personalizada, derivada da Comlux, que foi a empresa responsável por ceder essa aeronave de 19 assentos para exposição. O resultado é um conforto invejável, tem até uma cama king de casal no interior.

Além do interior que pode ser dividido assim como um escritório com um quarto, a aposta da Airbus é também na autonomia da aeronave (ACJ319neo), que é capaz de voar por 12500 km sem escalas transportando 8 passageiros a bordo. Na versão ACJ320neo, um pouco maior, é possível voar 11100 km sem pousar para reabastecer, com 25 pessoas a bordo.

Há várias configurações para o interior, ofertadas de acordo com o gosto pessoal e necessidade do cliente. Outro ponto a favor é a ampla rede de manutenção, que pode ser realizada por qualquer empresa certificada para a família A320ceo/neo.

As entregas do ACJ320neo começam no final de 2018, enquanto as do ACJ319neo começam no segundo trimestre de 2019. Apesar disso a Airbus só obteve encomendas para três aeronaves ACJ319neo e seis ACJ320neo.

A Airbus não informa diretamente o preço de cada ACJ, isso depende também dos opcionais, mas baseado no preço padrão de um A319neo, um ACJ319neo não deve ser vendido por menos de US$ 150 milhões, dado a quantidade de alterações em relação à aeronave original.

O Dubai Airshow será realizado entre os dias 12 a 16 de outubro no Dubai World Central.

This post is available in: pt-brPortuguês