Aeronaves News

Airbus indica nova variante do A350-1000, com maior peso de decolagem

A Airbus reeditou novamente um documento que indica os possíveis detalhes técnicos do A350-1000 de maior peso. Uma nova variante, chamada de WV001, foi adicionada pela Airbus indicando um MTOW (peso máximo de decolagem) com 3 toneladas a mais do que a variante WV000, passando de 308 toneladas para 311.

A capacidade de combustível será a mesma da variante anterior, com 308 toneladas de MTOW, apesar do maior peso de decolagem, essa variante pode ter sido criada pela Airbus para permitir que as companhias penalizem menos o payload da aeronave por conta de uma rota que exija maior quantidade de combustível.

Além disso a Airbus também já indicou que planeja uma variante com MTOW de 316 toneladas, cerca de 5 toneladas a mais de peso na decolagem em comparação com a variante WV001.

Poucos sabem, mas a Airbus oferece 14 variantes do A350-900, que já está sendo comercializado e inclusive opera no Brasil pela LATAM. No total ainda há duas variantes da versão ULR (de longo alcance, com maior capacidade de combustível), a WV010 e WV013, com 280 toneladas de MTOW. Outras opções têm MTOW de 235T, 240T, 250T, 255T e 260T, além das tradicionais que vão desde 260t até 275t.

As variantes mais comuns têm MTOW entre 268 a 275 toneladas.

O A350-1000 é cerca de 7 metros maior do que o atual -900XWB, isso equivale a cerca de 41 assentos a mais para esse avião, são 366 assentos quando configurado em 3 classes ou 440 em configuração de alta densidade. A cliente de lançamento do A350-1000 é a Qatar Airways, a Airbus espera entregar a primeira aeronave já no segundo semestre de 2017, após obter as certificações. No Brasil a LATAM tem encomendas para 14 aeronaves A350-1000.

 

Via – FlightGlobal

About the author

Redação Aeroflap

Redação Aeroflap

Newsletter

[newsletter_signup_form id=1]

Facebook

Em busca de hotel?


Share This