Os destinos nacionais (EUA) e internacionais prometem sofrer a influência com a entrada da nova classe econômica proposta pela American Airlines. A partir de 10 de fevereiro a companhia aérea americana irá oferecer o novo serviço em alguns de seus voos.

A nova econômica da American Airlines reduz alguns serviços antes disponibilizados gratuitamente para o passageiro, como o acréscimo de US$ 25 por mala despachada, além do valor pago pela bagagem. A nova econômica mais simples também não dá o direito do passageiro de ter um espaço no compartimento superior para malas de mão, o passageiro pode apenas transportar itens essenciais como documentos e celular.

O passageiro também não poderá alterar ou cancelar a passagem, escolher assentos no ato da compra, nem mesmo embarcar junto com a econômica comum. A companhia ainda mantém a opção do passageiro pelo serviço de bordo composto por snacks.

 

COMPARTILHAR