A ANA (All Nippon Airways) irá cancelar cerca de 300 voos devido a um problema de corrosão nos motores Rolls-Royce que equipa os Boeing 787 de sua frota. Só nesta sexta-feira a ANA cancelou 9 voos devido a esse problema.

O primeiro voo cancelado pela ANA foi a rota de Tóquio para Fukuoka (All Nippon Airways Voo 241), onde um motor do 787 que estava cumprindo a rota apresentou falha e a aeronave precisou alternar para seu destino inicial.

A solução para sanar esse problema de corrosão será substituir diversos componentes internos do motor Rolls-Royce que equipa o 787. “A segurança é a nossa prioridade, por isso estamos comunicando a Rolls-Royce e a Boeing para realizar inspeções e manutenção nas aeronaves envolvidas”, disse a ANA em comunicado oficial.

engine-boeing-787-dreamliner-aircraft
Foto – REUTERS/Toru Hanai

Apesar de não haver nenhum Boeing 787 com motorização RR nos Estados Unidos, a FAA (Administração Federal de Aviação) disse em um comunicado que o problema decorre de uma corrosão nas pás das turbinas, uma parte do motor RR. A FAA disse que essa corrosão não é capaz de afetar a segurança do voo.

A ANA precisará substituir várias pás na turbina de média pressão, localizada entre a turbina de alta pressão e a de baixa pressão, logo na saída de ar do motor. Essa já é a terceira vez que a ANA reportou um problema de corrosão em 2016. Somente com os cancelamentos de hoje a ANA perdeu US$ 548000.

Esse fato ocorreu poucos dias após a All Nippon Airways receber seu 50º Boeing 787, e também após os elogios do vice-presidente da ANA na América sobre a confiabilidade da aeronave.

 

Fonte – The Seattle Times

COMPARTILHAR