A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) autorizou a operação de voos internacionais de longa distância da Norwegian Air, da Europa para o Brasil. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União de hoje (08/08).

A expectativa da companhia é iniciar voos para o Brasil em 2019. Dessa forma a companhia precisará obedecer todas as normas da ANAC para manter sua operação no Brasil, ou terá o direito de operar voos revogado.

Por enquanto podemos esperar algum voo de São Paulo ou Rio de Janeiro para Londres, onde o cliente poderá ter acesso à toda malha de baixo custo da companhia em voos para diversas capitais da Europa.

Ainda não sabemos se a Norwegian está inclinada a operar em um aeroporto secundário, algo comum na Europa devido aos descontos nas taxas, algo responsável por baratear o preço das passagens aéreas. Isso tudo ainda dependerá das negociações que a companhia com certeza realizará neste período.

Já as operações, se ocorrerem, serão realizadas com o Boeing 787 (foto acima), único modelo de aeronave com grande alcance disponível na frota da subsidiária Long Haul, mas responsável por uma economia de até 20% com combustível, se comparado com um Boeing 767 do mesmo porte.

Anteriormente a Norwegian Air já tinha solicitado voos para a Argentina, como uma forma de entrar no mercado de aviação da América do Sul. O foco da companhia é operar voos de longa distância competindo com as tradicionais companhias através de tarifas baixas.

This post is available in: pt-brPortuguês