Um Boeing 777-300ER da Singapore Airlines , cumprindo o voo SQ368, teve o registro de fogo em sua asa após um pouso de emergência no Aeroporto de Changi, nesta segunda-feira de manhã (27 de junho, data local). O voo continha 222 passageiros e 19 tripulantes a bordo, partiu do Aeroporto de Changi com destino à Milão, na Itália, por volta de 2h05.

A aeronave retornou para o aeroporto de partida após três horas de voo, quando o piloto detectou uma falha no motor. “O piloto posteriormente nos informou que havia um vazamento, e que o avião teria que voltar para o Aeroporto de Changi, pois não tinha combustível suficiente para seguir a viagem”, disse Ms Lee, um dos passageiros do voo.

Foto - Lee Bee Yee/ Via Channel NewsAsia
Foto – Lee Bee Yee/ Via Channel NewsAsia

De acordo com Ms Lee, o avião pousou no Aeroporto de Changi por volta de 06h45. Pouco tempo após o pouso, a asa direita do Boeing 777 pegou fogo, os bombeiros pulverizaram espuma e água no avião e o fogo foi apagado, levou cerca de cinco a 10 minutos para apagar o fogo. Não houve feridos.

“Os passageiros desembarcaram através de escadas e foram transportados para o terminal de ônibus. Eles serão transferidos para outra aeronave que cumprirá o voo para Milão”, disse o comunicado da SIA. Os passageiros também receberam a opção de adiar seu voo ou embarcar em um voo alternativo. Aqueles que escolheram o voo alternativo embarcarão em outra aeronave, e aqueles que optaram por não voar, receberão da Singapore Airlines a reserva do hotel até o dia do voo.

 

Confira o vídeo do incidente:

 

COMPARTILHAR