O ATR 42 pode estar próximo de receber um novo pacote da ATR para melhorar o desempenho da aeronave em pistas de curta distância.

O presidente-executivo da ATR, Christian Scherer, relatou que a fabricante preparou uma série de modificações para o ATR 42 operar onde nenhum concorrente opera atualmente, assim seria possível levar um novo patamar de mercado para a aeronave que se situa no mercado de 40 a 50 assentos.



De acordo com Christian, o novo pacote incorpora no pequeno turboélice freios em carbono, que melhoram a eficiência de frenagem da aeronave, além disso superfícies aerodinâmicas como o leme receberão um incremento para melhorar a manobrabilidade da aeronave, para isso a ATR precisará instalar um sistema de acionamento hidráulico, atualmente essa superfície é comandada manualmente, sem interferências.

A ATR ainda não lançou a nova atualização para o ATR 42, porém já está sondando algumas companhias aéreas para verificar o interesse na aeronave. Esse é um passo crucial para garantir aos acionistas da empresa que haverá demanda para um ATR 42 capaz de operar em aeroportos ainda menores.

 

Via – FlightGlobal