News Outros

Aviação no Brasil está no mesmo patamar de 6 anos atrás

A demanda por voos domésticos no Brasil seguiu em queda em setembro, recuando 4,4% neste mês, comparado com o mesmo período de 2015. Esse foi o 14º resultado negativo consecutivo para a estatística. A oferta, em baixa há 13 meses, teve retração de 5% na mesma base de comparação.

A queda da oferta superior à da demanda aumentou a ocupação média dos voos em 0,5%,  para 80,11%. No mês, foram transportados 7,1 milhões de passageiros nos voos realizados dentro do país, uma baixa de 6,5%.

Os dados são a consolidação das operações realizadas pelas integrantes da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR), composta pela Avianca, Azul, GOL e Latam, que representam 99% do mercado doméstico.

Em valores absolutos, a demanda total apurada para um mês de setembro é a mais baixa desde 2010. Para a oferta e para o volume passageiros transportados, os resultados são os mais fracos desde setembro de 2012. Para um mês qualquer dentro da série histórica da ABEAR, os números são os menores desde junho desse ano para os três indicadores.

De janeiro a setembro, a oferta acumula baixa de 6,1%, acompanhando a demanda em queda de 6,3%. O fator de ocupação média tem piora de 0,2% (80%), e o total de passageiros registra queda 8% (65,4 milhões de viagens).

Apesar desse cenário adverso persistente, decorrente do desaquecimento econômico nacional, o que diminui a procura por transporte aéreo, o preço médio dos bilhetes domésticos ficou praticamente estável até o final 1º semestre de 2016. Conforme revelado pela 35ª edição do Relatório Nacional de Tarifas Aéreas da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), divulgado no início do mês, o valor pago variou apenas R$ 0,78 (0,2%) em relação ao registrado no 1º semestre de 2015, chegando a R$ 322,44. O levantamento já considera a inflação.

 

Participação do mercado doméstico em setembro/16:

GOL – 36,61%
LATAM – 34,17%
AZUL – 17,23%
AVIANCA – 11,99%

Via - ABEAR/Divulgação
Via – ABEAR/Divulgação

Transporte internacional

No segmento internacional, a oferta das quatro companhias associadas da ABEAR registrou diminuição de 9,8% em setembro na base anual de comparação. A demanda, por sua vez, encolheu 4,3%. Em consequência, a ocupação média dos voos internacionais subiu em 5,02 pontos percentuais, chegando a 87,26%. O mês registrou ainda o embarque de 619 mil passageiros, recuo de 0,4%.

Em valores absolutos, os resultados dos três indicadores são os mais baixos para um mês de setembro desde 2014, e os menores para toda a série desde junho desse ano.

No acumulado dos nove meses de 2016, a oferta de serviços internacionais recuou 4,2%, e a demanda enfraqueceu em 2,8%. A ocupação média dos voos teve alta de 1,23 ponto percentual, para 82,64%. Foram 5,5 milhões de passageiros embarcados no período, alta de 0,75%.

 

Participação do mercado internacional em agosto/16:

LATAM –79,74%
GOL – 10,71%
AZUL – 9,42%
AVIANCA – 0,13%

 

Via – ABEAR

About the author

Redação Aeroflap

Redação Aeroflap

Newsletter

[newsletter_signup_form id=1]

Facebook

Em busca de hotel?


Share This