Tida como a única companhia que não cobrava o despacho de bagagens, a Avianca Brasil começará a cobrar em breve pela bagagem despachada em seus voos domésticos.

A cobrança na Avianca acontecerá de forma semelhante a das outras companhias, uma nova classe tarifária será criada pela companhia (chamada de Promo), as atuais duas serão mantidas (Economy e Flex), porém com preço superior por dar mais vantagens ao passageiro. A nova tarifa (Promo) passará a valer a partir da próxima segunda-feira (25/09), clientes que compraram passagens antes desta data estarão isentos da cobrança.

Até então a Avianca disponibilizava uma franquia que permitia o passageiro despachar uma mala com 23 kg, além de levar uma mala de mão com até 10 kg na aeronave.

O valor cobrado por unidade de até 23 kg será de R$30, caso o passageiros troque de opinião até 6 horas antes do voo, e R$60 caso decida comprar a franquia no balcão de despacho ou pouco antes do voo. Esses valores só são válidos para a tarifa Promo, que não inclui a franquia de uma bagagem de 23 kg.

De acordo com o presidente da companhia, Frederico Pedreira, a nova tarifa é para permitir que a Avianca consiga ter um preço competitivo perto de outras companhias nacionais. “Percebemos que muitos passageiros viajam apenas com a bagagem de mão. Queremos atender a este perfil de cliente com uma tarifa mais competitiva”, disse ele.

A companhia garantiu que haverá apenas uma redução no preço do bilhete médio atual praticado pela companhia, na nova tarifa Promo. Mesmo com a cobrança a nova regra da ANAC permite que o passageiro leve até 10 kg a bordo da aeronave.

A Avianca ressaltou que continuará oferecendo gratuitamente entretenimento a bordo, inclusive com internet via wi-fi e serviço de bordo gratuito.

Atualmente a Azul (Clique Aqui para saber os preços), GOL (Clique Aqui para saber os preços), e a LATAM (Clique Aqui para saber os preços), cobram um valor pela bagagem despachada para seus planos ultrabásicos que não incluem o serviço. Dessas apenas a Azul oferece entretenimento e serviço de bordo gratuitos.

This post is available in: pt-brPortuguês