Após anunciar o lançamento de novas rotas internacionais, com voos diretos de São Paulo para Miami e Santiago, a Avianca Brasil lançou uma estimativa de que com essas novas rotas internacionais a empresa seja capaz de crescer 8% a 10% no faturamento total do ano.

Além disso a Avianca Brasil prevê transportar 11 milhões de passageiros em 2017, contra 9,4 milhões em 2016, cerca de 250 mil passageiros serão de voos internacionais da companhia. Com todo esse otimismo o presidente da Avianca Brasil, Frederico Pedreira, adiantou que até o fim do ano a empresa disponibilizará uma terceira rota internacional, que ainda está em análise.

Os voos para Miami começam no dia 23 de junho, e as passagens já estão à venda. Os voos para Santiago estão previstos para iniciarem até o final de agosto, a escolha do destino chileno está relacionada ao fato de que o Brasil é o segundo emissor de turistas para o Chile, com 439 mil visitas em 2016, disse Efromovich.

A Avianca Brasil ainda tem mais uma novidade, a proposta de fusão com a Avianca Holdings deve ser apresentada em breve pela companhia. A proposta irá unificar as operações entre a companhia aérea e a colombiana, atualmente as duas são gerenciadas por grupos diferentes, apesar de terem o mesmo nome.

This post is available in: pt-brPortuguês