A Azul pretende contratar 120 novos funcionários para as áreas de call center, aeroportos e setores administrativos da empresa no primeiro semestre de 2018. As vagas serão destinadas, principalmente, a pessoas com os mais variados tipos de deficiência.

Com as contratações, a companhia espera repor postos de trabalho e atender ao crescimento do quadro em todas as mais de cem bases da Azul no país. Para participar do processo seletivo, os interessados devem cadastrar os currículos no banco de vagas da empresa, hospedado dentro do site da companhia.

Com as admissões previstas, a expectativa da Azul é potencializar a promoção da inclusão e da diversidade entre seus funcionários. O diretor de Serviços ao Cliente da companhia, Roberto Hobeika, reafirma o compromisso de contratar pessoas que tenham o DNA da companhia e ressalta os pontos importantes que o candidato precisa ter em seu perfil.

“A Azul trabalha de maneira inclusiva e entende que as pessoas com deficiência compõem um grupo de profissionais extremamente capacitados. Nossa expectativa é que eles tenham resiliência, maturidade e que possam agregar ao time, trazendo exemplos de experiência de vida e de atendimento. Esperamos que a história de vida deles contribua para a inclusão dos nossos próprios funcionários”, pondera Hobeika.

Presente em mais de cem cidades brasileiras, a Azul tem mais de 11 mil funcionários e conta com duas centrais de atendimento, uma em Belo Horizonte e outra em São Paulo, além de uma base de manutenção no aeroporto da Pampulha, também em Minas Gerais.

Após um mês de contrato, os novos funcionários passam a receber os mesmos benefícios de quem trabalha nos departamentos da empresa. Além disso, a Azul oferece promoções internas e permite a movimentação de funcionários entre todos os setores da companhia.

COMPARTILHAR