O escritório da Bell-Boeing, em Amarillo, no Texas, recebeu a quantia de US$ 4.191.533.822 pela modificação P00008.

Este contrato prevê a fabricação e entrega de 39 aeronaves CMV-22B para a Marinha; 14 aeronaves MV-22B para o Corpo de Fuzileiros Navais; um CV-22B para a Força Aérea; e quatro aeronaves MV-22B para o governo do Japão.

“A Bell Boeing tem o prazer de ampliar a produção do V-22, apoiando nossos combatentes com uma das plataformas mais versáteis e sob demanda do arsenal dos EUA”, disse Chris Gehler, vice-presidente da Bell para o Programa V-22. “Este contrato de produção plurianual fornece estabilidade de produção até 2024″, completa Gehler.

A Marinha dos EUA usará seu novo CMV-22B para transportar pessoal e carga da costa para os seus porta-aviões, substituindo o C-2 Greyhound, que está em serviço desde meados da década de 1960.

“Combinando aeronaves para três serviços e um dos principais Aliados dos Estados Unidos em uma ordem de vários anos, a Marinha dos EUA obtém mais capacidade para seu dólar de compras”, disse Kristin Houston, vice-presidente de Programas e Diretor da Boeing Tiltrotor do Programa Bell Boeing V-22. “Ele também permite que a Marinha dos EUA comece modernizar a sua frota com uma aeronave nova.”

This post is available in: pt-brPortuguês