A seção do cockpit que equipará o Beluga XL, da Airbus, foi entregue recentemente pela Stelia Aerospace, a seção também incorpora a parte do nariz da aeronave e se juntará com a fuselagem. Coincidentemente o avião responsável por transportar essa peça do Beluga foi outro Beluga, o da geração atual, baseado no A300-600ST.

A peça mede 12 metros de comprimento e tem 4 metros de altura, com peso total de 8 toneladas. Além desse componente a Stelia também produzirá uma porta de carga para o Beluga XL, este componente será entregue até o final de agosto.

Recentemente a Airbus transportou para Toulouse algumas peças gigantes do novo Beluga, como não foi possível transportar dentro da aeronave, esses componentes foram transportados por rodovia. Clique aqui para ver mais sobre isso.

Foto – Airbus/Divulgação

O conceito de design da aeronave é semelhante ao atual Beluga, com a estrutura central da baía de carga, e algumas modificações na parte traseira da aeronave e na cauda. O novo Beluga também é baseado na versão cargueira do A330, o A330F, com grande grande reutilização de componentes e equipamentos existentes.

O BelugaXL foi lançado em novembro de 2014 para atender aos requisitos de capacidade de transporte e ramp-up da Airbus para depois de 2019. O primeiro de cinco aeronaves Beluga XL voará em meados de 2018, e entrará em serviço em 2019. A aeronave conseguirá lidar com o transporte de componentes do A350.

 

Via – FlightGlobal

This post is available in: pt-brPortuguês