Militar Não categorizado News

Boeing e Lockheed Martin protestam no contrato de bombardeiro de longo alcance.

download

 

A Boeing e a Lockheed Martin apresentaram um protesto formal nessa semana pedindo ao Governo dos Estados Unidos Government Accountability Office (GAO) para rever a decisão de adjudicação do contrato do bombardeiro de longo alcance Long Range Strike-Bomber (LRS-B)  para a Northrop Grumman.

A Boeing e a Lockheed Martin argumentam que houve erros no processo de seleção. A avaliação dos custos realizados pelo governo não recompensam as propostas dos contratantes. Segundo eles a deficiente avaliação levou à seleção da Northrop Grumman.

Long Range Bomber (LRS-B) é um projeto de bombardeiro de longo alcance de carga pesada e furtivo para a Força Aérea Americana.

A solicitação de proposta para desenvolver a aeronave foi emitida em julho de 2014. A força aérea americana planeja comprar de 80 a 100 aeronaves a um custo de 550 milhões de dólares cada uma.

O contrato foi atribuído a Northrop Grumman em outubro de 2015. Northrop Grumman já é conhecida por fabricar o famoso B-2.

Pelos valores do contrato a choradeira vai longe.

About the author

Rodrigo Rott

Rodrigo Rott

Newsletter

[newsletter_signup_form id=1]

Facebook

Em busca de hotel?


Share This