Aeronaves Não categorizado News

Boeing inicia a construção do 737-MAX

A Boeing anunciou que já começou a construir peças que seriam do primeiro 737-MAX em Renton, Washington. Na semana passada foram montada as asas, elas serão utilizadas no primeiro voo de testes da aeronave, as asas para o 737-MAX e alguns componentes serão montados na linha de fabricação da Boeing em Renton. Os diretores estimam que ainda esse ano ocorrerá a junção da asa com a nova fuselagem. Nas linhas a seguir a Boeing descreve como ocorre a montagem da asa.

Painéis de pele da asa e longarinas foram carregados para a nova linha de montagem de painel e partes iniciais do primeiro 737 MAX ( longarinas e estruturas de apoio interno em asas) foram carregados em quatro enormes robôs. Quando terminar esse processo de montagem, os painéis e longarinas será transformado em asas já concluídas.

11336891_979906112021591_2452470068962311188_o

Barry Lewis, ex-maquinista da Boeing, que agora dirige a fabricação da asa, disse que as primeiras asa e vergas serão montados em uma ala completa neste verão, com novos winglets duplas que foram incorporadas no novo 737, e entregue ao edifício adjacente para montagem final em setembro, onde ocorrerá a fixação à fuselagem. O primeiro 737 MAX irá então ter roll-out ao final do ano e voar no início de 2016, disse ele.

A fábrica de Renton produz 42 aeronaves por mês, sendo a linha de montagem que mais produz aeronave desse porte no mundo. Está previsto que com a nova incorporação de automação a produção passe a 52 jatos por mês a partir de 2018, bastante adequado as 2720 encomendas de 737-MAX sendo que ainda tem mais encomendas por vir.

IMG_3279

 

O 737 MAX incorpora a mais recente tecnologia de motores CFM International LEAP-1B, winglets com tecnologia avançada e outras melhorias para entregar a mais alta eficiência, confiabilidade e conforto para os passageiros no mercado de corredor único. Começando em 2017, o novo avião de corredor único vai entregar o uso de combustível de 20 por cento mais baixo do que os primeiros 737s Next-Generation e os menores custos operacionais em sua classe e 8% de economia por assento inferior ao seu concorrente mais próximo. Até o momento, o 737 MAX tem 2.720 encomendas de 57 clientes no mundo inteiro.

737max-infographic

About the author

Pedro Viana

Pedro Viana

Acadêmico de Engenharia Aerospacial - Editor de foto e vídeo - Fotógrafo - Aeroflap

Newsletter

[newsletter_signup_form id=1]

Facebook

Em busca de hotel?


Share This