Foto – U.S.A.F./Class Jason P. Robertson

A Boeing ganhou um contrato da USAF no valor de 1,65 bilhões de dólares, com pagamento antecipado de 25,8 milhões para reduzir o risco de projeto. De acordo com o divulgado pelo pentágono na sexta (29/01), a Boeing irá fornecer 2 aeronaves 747-8 idênticas para a USAF, que serão de uso exclusivo do presidente norte americano.

A Força Aérea Ameircana anunciou pela primeira vez em janeiro de 2015, que uma aeronave Boeing  747-8 seria usada para substituir os dois aviões da Força Aérea atuais, usados ​​para transportar o presidente dos EUA. O Air Force One é um dos símbolos mais visíveis dos Estados Unidos quando em viagens ao exterior, principalmente pelo seu tamanho.

Atualmente a Força Aérea Americana opera 2 Boeing 747-200B, de codinome VC-25, modificados para o uso presidencial e que já estão chegando ao fim de sua vida útil. O 747-8 irá receber tecnologias que já estão em uso, e outras que ajudarão no conforto a bordo, como afirmou James Deborah, secretário da USAF. O motivo da escolha pelo 747-8 é a segurança de ser equipado com 4 motores e de fabricação americana, o que permite manter em sigilo alguns sistemas da aeronave.

O Boeing 747-8 é uma versão maior e com double deck estendido do antigo 747-4, além de ser equipado com novos aviônicos e motores de nova geração. A Boeing realizou o voo da versão de passageiros em 2011, com entregas comerciais começando no ano de 2012. Atualmente a Lufthansa é a principal cliente da versão de passageiros, enquanto a Cargolux divide com a Cathay o posto da versão cargueira.

 

Fonte – Reuters

COMPARTILHAR