Aeronaves Empresas News

Boeing já entregou mais de 350 aeronaves comerciais em 2017

Foto - Boeing/Divulgação

Ontem a Boeing lançou um resumo dos seus resultados no primeiro semestre de 2017, bem como o resultado do segundo trimestre deste ano. Novamente o 737 NG/MAX se destacou como o modelo mais fabricado pela Boeing, com 236 unidades fabricadas em 6 meses, e 123 no segundo semestre.

Logo atrás vem o 787, que é o atual widebody mais fabricado pela Boeing, no total foram 65 aeronaves fabricadas em 2017, considerando os seis primeiros meses do ano, e 33 unidades no segundo semestre de 2017. O Boeing 777 vem logo atrás, com 42 unidades fabricadas no primeiro semestre de 2017 e 21 unidades somente nos últimos três meses.

Foto – Boeing/Reprodução

Na lanterna está o Boeing 747, que teve somente 3 unidades entregues no segundo semestre de 2017, e 4 unidades no ano. O Boeing 767 teve mais unidades fabricadas no ano, mas com somente cinco delas saindo do hangar de fabricação.

A Boeing entregou cerca de 169 aeronaves comerciais no primeiro trimestre de 2017, foi o melhor período da empresa no ano, até o momento. No ano passado a Boeing entregou 748 aeronaves comerciais no total. Ao todo a Boeing tem 5744 encomendas fixas no momento, e recebeu 381 novas encomendas no primeiro semestre no setor comercial, já descontando as aeronaves entregues neste ano, gerando um saldo positivo para a carteira de pedidos da empresa.

Além disso a Boeing também entregou 5 helicópteros AH-64 Apache novos e 28 remanufaturados. O veterano CH-47 Chinook também se destaca, com 4 unidades novas e 19 remanufaturadas entregues. A Boeing ainda entregou 7 caças F-15 e 12 caças F/A-18 novos. (valores válidos para o primeiro semestre de 2017)

A Boeing finalizou a tabela com 9 aeronaves P-8 entregues e 3 satélites comercial, entre eles o Intelsat 35e, lançado pela SpaceX nesta semana.

Ao todo a Boeing entregou 439 produtos, entre satélites e aviões comerciais e militares no primeiro semestre deste ano.

 

Destaques

Foto – Boeing/Reprodução

Entre os destaques da Boeing no primeiro semestre de 2017 está o primeiro voo do 787-10, a maior aeronave da família 787 Dreamliner, além do primeiro voo do 737 MAX 9, que até a apresentação do 737 MAX 10 era a maior aeronave da família 737 MAX.

A Boeing também aproveitou o mês de maio para entregar o primeiro Boeing 737 MAX 8, marcando o início da quarta geração do 737, após 50 anos do primeiro voo do famoso 737 Original (737-100).

Foto – Boeing

 

Depois de colocar a família 737 MAX como protagonista do ano, a Boeing lançou o 737 MAX 10 no Paris Air Show 2017, para atender aos pedidos das companhias aéreas, que necessitam de uma aeronave da família 737 com maior capacidade de passageiros. Esse também é o maior 737 MAX já apresentado pela Boeing.

About the author

Redação Aeroflap

Redação Aeroflap

Newsletter

[newsletter_signup_form id=1]

Facebook

Em busca de hotel?


Share This