b52
A Força Aérea dos EUA (USAF) está na FIDAE 2016 com diversas atrações diferentes. Uma delas é o famoso B-52 “Stratofortress”, bombardeiro estratégico de longo alcance subsônico, equipado com oito motores a jato fabricados pela empresa americana Boeing e está em serviço com a USAF desde 1955.
Esta aeronave de grande porte será apresentado apenas no sábado 02 de abril, sem aterrar em Santiago, realizando um sobrevôo por vários setores da capital entre as 13h00 às 14h00, no horário local, mais uma demonstração de reabastecimento com um caça F-5 Tiger III, pertencente à Força Aérea do Chile para o público em geral da FIDAE.
É o mais temido bombardeiro do século XX e ainda está vivo depois de 60 anos de serviço nas Forças Armadas dos Estados Unidos. Ele já participou de guerras que vão desde o Vietnã até o Afeganistão, e de acordo com estimativas vai continuar voando até 2044.
Para estar presente na exposição principal aeroespacial, defesa e segurança do continente americano, este gigante dos céus deve fazer reabastecimentos em vôo para chegar diretamente ao Chile e fazer sobrevoos na FIDAE, atendendo todas as normas regulamentares de voo antes de voltar para os Estados Unidos.
O B-52 é um bombardeiro pesado de longo alcance que podem realizar diferentes missões. É uma aeronave de asa enflechada com oito motores montados em pares em quatro suportes. Ele é capaz de voar em altas velocidades subsônicas em altitudes de até 15 km. Ele pode transportar armas convencionais guiadas, de precisão ou gama de bombas com capacidade nuclear global.
COMPARTILHAR