original

A Bombardier concluiu uma séries de testes por aeroportos da Europa realizando uma simulação de operação aérea em uma unidade do CS100, que pertence a frota de testes. Cerca de 30 aeroportos do continente europeu foram visitados pelo CS100 durante um período de 3 semanas, em rotas semelhantes a que a Swiss opera.

“Considerando que a Bombardier está inserindo a aeronave CS100 em uma série de operações atualmente, o programa de testes prova de frota nos forneceu uma indicação real de como o CSeries irá operar em nossa malha aérea quando recebermos a primeira unidade em Junho”, disse Peter Wojahn, Diretor Técnico da Swiss International Air Lines.

O CS100 realizou vários voos utilizando procedimentos operacionais e configuração típica de linha aérea, mas sem passageiros a bordo. Os vôos forneceram dados sobre o desempenho do CSeries em um cronograma fixo de voos e em diversos aeroportos. Aeródromo de baixo desempenho, muito movimentados, conexões e operações em solo são algumas das características mais importantes que foram observados. Os resultados estão alinhados com as observações anteriores e confirmaram as metas que a Bombardier propôs para essas três semanas.

A Bombardier aproveitou as visitas em diversas cidades para promover e mostrar o funcionamento de sua aeronave para algumas companhias aéreas, porém não foi declarado quais companhias demonstraram interesse em conhecer uma aeronave já certificada do CSeries.

COMPARTILHAR