A China Southern Airlines, com sede em Guangzhou, finalizou um acordo para comprar oito aviões Boeing 777-300ER e 30 do modelo 737 MAX 8, no valor total de US$ 5,65 bilhões.

Este acordo junta-se a uma encomenda já existente para 12 aviões 787-9 Dreamliner, avaliada em US$ 3,2 bilhões, formalizada há 12 meses. A Boeing planeja começar a entregar esses Dreamliner em 2018, se estendendo até 2020.

A China Southern é uma grande companhia que tem uma das maiores frotas únicas da Ásia, com 546 aeronaves. A companhia já opera com quase 200 aviões da Boeing, sendo eles 180 do modelo 737-800 e 10 do 777-300ER.

Esses aviões serão para uma nova estratégia da companhia de expandir suas operações em dois hubs nacionais, incluindo o novo aeroporto de Pequim que abrirá em 2019.

 

Encomenda de aviões da Airbus

A companhia chinesa também assinou um contrato de compra com a Airbus para 20 aviões A350-900 no início de abril, avaliados em US$ 6 bilhões.

A companhia aérea opera uma das maiores frotas da Airbus no mundo com mais de 300 aeronaves dessa marca em serviço, compreendendo a família A320, a família A330 e cinco A380.

COMPARTILHAR