No final do dia 5 de abril, última quinta-feira, o Governo da Venezuela suspendeu as operações das companhias Copa Airlines e Wingo, como reflexo de um desligamento econômico com o Panamá, depois de sanções aplicadas pelo pequeno país da América Central.

Com esse procedimento da Venezuela, a Copa deixará imediatamente de operar voos entre a Cidade do Panamá e Caracas, capital da Venezuela, assim como a sua subsidiária Low Cost Wingo, que opera na Colômbia.

Aos passageiros a companhia aérea precisará devolver o dinheiro pago pela passagem, devido ao cancelamento dos voos.

Agora poucas companhias fazem ligação da Venezuela com outros países, no total são nove empresas que realizam algum tipo de voo regular ou charter a partir da Venezuela. São elas: American Airlines, Cubana, Iberia, Air France, Swiftair, TAP Air Portugal, Turkish e as nacionais Avior e Laser.

This post is available in: pt-brPortuguês