No início de 2017 a Norwegian anunciou que iniciaria os voos transatlânticos de baixo custo em junho deste ano, e a companhia realmente iniciou os voos. O baixo custo seria proveniente das operações com o Boeing 737 MAX 8 totalmente configurado para classe econômica com 189 assentos, que a companhia recebeu em junho.

E mais uma companhia embarcou nessa ideia, a Primera Air também quer voar do Reino Unido para Nova York com tarifas baixas, na mesma faixa de preço da Norwegian, que é beneficiada pelo 737 MAX 8. A Primera Air quer usar bases em Birmingham, London Stansted e Paris (CDG), para fazer voos até Boston (Logan), que será a cidade com mais voos, e Nova York (Newark).

Os voos começarão em abril de 2018 e serão operados por uma frota de 8 aviões A321neo, bem como as 2 aeronaves A321LR que a companhia tem em sua lista de encomendas.

Só há um porém desse serviço, a Primera Air cobra a bagagem despachada, o assento e até outras coisas, como a preferência de embarque, assim como listamos ontem na postagem da Ryanair. O voo que custa a partir de US $ 99 (o trecho) pode sofrer um grande acréscimo de preço, visto que a companhia cobra 29 dólares pelo despacho de bagagem, US$ 25 pelo assento marcado e US$ 46 por um assento mais espaçoso, além de cobrar também o check-in presencial.

Esse valor pode efetivamente diminuir através de um combo que a companhia vende, no valor de 58 dólares por voo, que oferece os principais serviços como despacho de uma mala, refeição a bordo e a marcação de assento com o embarque prioritário. É um bom preço, quando consideramos que a comida padrão custa US$ 40 e a comida premium US$ 70.

Essa é uma oferta melhor em comparação com a Norwegian, que exige uma escala na Irlanda para quem precisa ir à Paris ou Londres. Só resta saber se os preços realmente serão tão competitivos em comparação com a Norwegian, visto que a maioria dos trechos está saindo por US$ 140.

 

Classes de tarifa

A Primera Air dividirá a cabine do A321neo em duas para realizar esses voos, a Premium Economy da companhia ficará nas 4 fileiras iniciais, com 4 assentos por fila através de uma configuração 2-2. É possível comprar essa configuração através das diferentes categorias oferecidas durante a pesquisa pelo trecho. O valor é consideravelmente mais caro em comparação com a classe standard, neste caso compensa mais voar com uma companhia tradicional.

No total os 16 assentos dessa Premium Economy dispõem de 34 polegadas entre eles, com maior espaço para as pernas e também maior conforto para os ombros, apesar do assento ser bem similar ao de uma classe econômica. Não há sistema de entretenimento, em compensação o passageiro poderá pagar para usar a internet Wi-Fi a bordo.

Já a cabine econômica normal tem a clássica configuração 3-3, com 182 assentos no total espaçados apenas por 30 polegadas, um valor bem ruim para um voo de longa duração. O entretenimento também é o Wi-Fi, que deverá ser pago pelo passageiro. Todos os assentos têm tomadas e saídas do tipo USB para carregar dispositivos móveis e notebooks.

COMPARTILHAR