Esta semana a KLM lançou uma nova pintura para um de seus Boeing 777, um aeronave que mescla o azul tradicional da companhia aérea holandesa, com o laranja e branco. Essas cores estão bem relacionadas com os países baixos, a seleção holandesa é conhecida por “laranja mecânica”, denunciada pelo uniforme que vestem nos jogos, e existe a Bandeira do Principe, que carrega essas cores.

É exatamente nesse ponto que chegamos, acompanhe toda a história abaixo, de acordo com a KLM.

Ton-Kool-8-1-1920x1080
Foto – Ton Kool / KLM

No Dia do Rei, em 2015, postamos no Facebook uma imagem com a aeronave laranja da KLM com a seguinte pergunta: “Será que devemos fazer isso no próximo ano?” A resposta foi esmagadora, “Sim!” Então, aqui estamos nós.

Então seguimos para o primeiro passo. Como pintar um avião?

Passo 1: furar e lixar

O Boeing 777-300, de registro PH-BVA é trazido para o hangar 44, também conhecido como Painting Bay. É impressionante notar que os limpadores de pára-brisas são removidos, aparentemente, pintá-los de laranja não está em nossa previsão.
Essa aeronave recebeu uma camada nova de tinta em 2015, logo não é necessário pintar o avião inteiro. O nariz, o teto em torno da aeronave e um pouco mais da metade do corpo são pulverizados de laranja. Bem como todo o trabalho de pintura, tudo começa com o lixamento, que é feito à mão.

Depois de ser polida, a aeronave é lavada e as janelas e barriga da aeronave são cobertos para proteger a camada de tinta existente. As asas, pneus e motores também são cobertos completamente para que eles mantenha a sua cor original.

 

Passo 2: Pintura

O processo de pintura começa na parte de trás, com uma camada totalmente em laranja. Depois, há o gradiente de azul para o laranja, terminando na frente com a seção de laranja. O gradiente é a área onde a laranja desvanece-se em azul claro.

Marco-Spuyman-2--1920x1080
Foto – Marco Spuyman / KLM

O processo de pulverização é realizado eletrostaticamente, com atração da tinta para a aeronave. Depois que a aeronave está totalmente pulverizada, o trabalho de pintura é direcionado para a parte superior. Toda a aeronave está marcada com uma escova de aperfeiçoar todas as áreas irregulares ou erros. Este é um processo é muito demorado e intensivo. Após a aeronave está com a pintura meio fosca, então recebe uma camada de revestimento para ganhar brilho, quando há presença de luz.

 

Passo 3: Ao ar livre

As proteções colocadas no passo 1 são retiradas e a aeronave transportada para fora do hangar. Um voo de teste é realizado antes da aeronave voltar a operar voos regulares em todo o mundo. Não para garantir o serviço de pintura, mas para verificar se todos os outros componentes estão funcionando corretamente. O primeiro voo foi uma ida e volta para Stavanger em 15 de Junho de 2016.

tweet-34250-1920x1080
Foto – Menno Mennes / KLM

Sobre o PH-BVA:

• Demorou no total 96 horas para repintar a aeronave;
• 35 pessoas trabalharam na re-pintura;
• Foram utilizados 100 rolos de fita adesiva;
• Ao todo a pintura laranja usou 335 litros de tinta;
• O lixamento exigiu 2 mil esponjas abrasivas;
• Foram utilizados 1000 metros de plástico bolha; 
• Foram utilizados 100 panos para remover a poeira.

 

Fonte – Blog KLM

COMPARTILHAR