A Nova Zelândia é o novo destino do KC-390 em sua turnê de 40 dias pelo mundo, que antes era só em países da Europa. Agora o segundo protótipo do KC-390 está em Paris, em sua turnê que passará por diversos países europeus e inclusive já passou pela Suécia na semana anterior. A aeronave irá ficar exposta durante o Paris Air Show, que acontece entre os dias 19 a 25 de junho.

“Nós somos estamos confiantes, pois a aprovação portuguesa mostra a confiança de um país da OTAN no avião, que é construído de acordo com os padrões da OTAN”, disse Jackson Galleider, presidente da Embraer Defense & Security, para o portal FlightGlobal.

Após visitar a Nova Zelândia o KC-390 voltará para o Brasil visitando países do Sudeste Asiático, bem como a parte árabe da África, sendo assim quase uma turnê mundial do jato militar cargueiro da Embraer.

Segundo KC390 à direita da foto. Foto – Embraer

Encomendas

Por enquanto o KC-390 só tem 28 encomendas realizadas pela Força Aérea Brasileira, Portugal está nas etapas finais para comprar 5 aviões, com opção de compra para mais uma aeronave. Enquanto isso a Força Aérea Brasileira espera fechar mais encomendas com o Chile, Argentina e Suécia, esta última uma provável cliente apesar de querer modernizar suas aeronaves C-130, a Saab, da Suécia, anunciou recentemente que estava colaborando no projeto KC-390.

Enquanto isso a Embraer está avançando nos testes para obter o Certificado Operacional Inicial ainda em 2017, com o Certificado Operacional Final sendo emitido em 2018. Ano que vem a Embraer fabricará no total 2 aeronaves KC-390, em 2019 serão 4.

This post is available in: pt-brPortuguês