A GOL irá disponibilizar para venda nova tarifa chamada Light, para quem não precisar despachar bagagens. De acordo com a companhia, dessa forma os clientes da companhia poderão escolher a melhor opção para a sua viagem.

As atuais tarifas Programada e Flexível continuam a incluir, sem custo, uma bagagem de até 23kg; e a classe GOL Premium, disponível apenas nos voos internacionais, dois volumes do mesmo peso. Além disso, a bordo, já é possível viajar com uma mala de mão de até 10Kg, independente do bilhete adquirido.



Nesse momento, a GOL está trabalhando para adequar os processos e sistemas, além de realizar treinamento de suas equipes para garantir o melhor atendimento na implementação deste novo modelo, que estará disponível para bilhetes emitidos a partir de 20 de junho. Deste modo, os passageiros também terão tempo para se familiarizar com as novidades.

“A GOL entende que a mudança nas regras de franquia de bagagens aproxima o país dos padrões adotados na aviação mundial. O cliente poderá escolher a melhor forma de realizar sua viagem, pagando menos se não despachar mala”, disse Eduardo Bernardes, vice-presidente de vendas e marketing da GOL. “Adicionalmente, aqueles que voarem um mínimo de dez trechos em um ano, e estiverem cadastrados no programa Smiles, se tornam Cliente Prata e terão a vantagem da primeira bagagem gratuita”, finaliza o executivo.

 

Entenda como funcionará a cobrança de bagagens na GOL

De acordo com as classes, apenas a tarifa Light não incorpora despacho de bagagem no ato da compra, a companhia dará outras opções ao passageiro caso mude de ideia.

Despacho de bagagem para a tarifa Light

Caso o cliente que adquiriu o bilhete da tarifa Light, após a compra, tome a decisão de despachar bagagem, esse serviço poderá ser contratado à parte, e haverá um desconto para aquisição nos canais de autoatendimento, como site www.voegol.com.br, aplicativo e totem. Nos voos nacionais, o valor para despachar uma mala de até 23kg será de R$30, quando adquirida nos canais de autoatendimento e nas agências de viagens; ou R$60 no balcão de check-in. Nos voos internacionais, o valor será equivalente a US$ 10 no autoatendimento e agências de viagens, e US$ 20 no balcão.

 

Excesso de peso

De acordo com a GOL o excesso de peso, hoje calculado de acordo com a tarifa cheia do voo, será mais econômica e de fácil entendimento. O cliente pagará apenas por cada quilo adicional que custará R$12 nos voos domésticos e o equivalente a US$4 nos internacionais.  

 

Smiles

Para o cliente Smiles a GOL disponibilizará gratuitamente a possibilidade de despachar malas, mesmo após comprar uma passagem da categoria Light, diferente da Azul, que anunciou essa semana um tipo de passagens onde clientes Tudo Azul não tem direito ao despacho de malas caso compre uma passagem da categoria Azul. Confira mais detalhes abaixo:

  • Para clientes Smiles Prata – 1 Bagagem de até 23 kg gratuita
  • Para clientes Smiles Ouro – 1 ou 2 bagagens de até 23kg cada gratuitas
  • Para clientes Smiles Diamante – Até 3 bagagens com 23 kg cada gratuitas

 

No início desta semana a Azul também anunciou uma categoria de passagens chamada de “Azul”, que não engloba o despacho de bagagens. De acordo com a companhia a cobrança começará em alguns trechos a partir do dia 1º de junho, enquanto isso a diretoria estima um desconto de até 30% para o passageiro que não despachar bagagem.