Governo dos EUA analisará redes sociais de interessados em obter visto

O Departamento de Estado norte-americano pretende exigir a todos os solicitantes de visto para entrar no país que forneçam seu histórico de uso das redes sociais, endereços de correio eletrônico e números de telefone dos últimos 5 anos, em uma ampliação das medidas do governo Donald Trump para examinar o histórico de imigrantes e visitantes.

A medida chega como tentativa de impedir atividade terrorista/criminosa no país e deve ser aplicada a todos, com exceção dos diplomatas e algumas outras categorias similares.

O histórico das redes sociais, e-mails e números de telefone era solicitado apenas para pessoas que vinham de países considerados de risco – grupo que representa cerca de 65 mil pessoas anualmente. As novas regras serão aplicadas a todos os solicitantes de visto.

Aparentemente a autoridade estadunidense realizará uma investigação nos nomes de usuário do Twitter, Facebook, Instagram (e outras plataformas).

Após o anúncio de sexta-feira, dia 30 de Março, a proposta do Departamento de Estado norte-americano vai ter um período de consulta pública de 60 dias para eventuais modificações, que devem ser aprovadas a 29 de Maio.

As organizações de direitos civis criticaram fortemente estes requisitos, em nome da proteção da vida privada.

As novas exigências passam a valer daqui a dois meses, ou seja, caso você não tenha um visto para os EUA, essa seria uma ótima hora para tentar tirá-lo.

This post is available in: pt-brPortuguês