A Fórmula 1 é uma atração que transcende as décadas, e eu o editor dessa postagem gosto bastante da F1, principalmente se ela for disputada no Brasil. E para comemorar os 15 anos consecutivos da parceria entre Viracopos e a Fórmula 1, o aeroporto irá expor uma Ferrari de F1 vai atrair a atenção de quem embarcar ou desembarcar no novo terminal de passageiros de Viracopos, entre os dias 18 de outubro e 7 de novembro.

O desembarque e, após a corrida, o embarque de todo o equipamento, inclusive os carros utilizados pelas equipes de Fórmula 1 no autódromo de Interlagos é uma operação que exige precisão e eficiência. Uma equipe especial designada pela direção de Viracopos realiza todo o trabalho de desembarque em 12 horas seguidas.

Após a liberação, toda a carga é transferida para carretas que, em comboio, seguem para o autódromo de Interlagos. A operação é feita em conjunto com a Receita Federal e a Polícia Federal, envolvendo ainda todas as gerências do aeroporto responsáveis pelo Terminal de Cargas.

Foto - Aeroporto de Viracopos/Divulgação
Foto – Aeroporto de Viracopos/Divulgação

Este ano, o GP Brasil de Fórmula 1 será disputado nos dias 11, 12 e 13 de novembro. A carga deverá chegar ao aeroporto no final de semana anterior e seguirá para Abu Dhabi logo após a prova.

Para a diretora executiva do evento, Claudia Ito, a parceria com Viracopos continua sendo essencial para a realização da etapa brasileira da Fórmula 1. “Graças à dedicação e à eficiência da equipe de Viracopos, tudo sai de acordo com as previsões. E isso garante o sucesso do evento”, justifica.

“É uma honra receber o GP Brasil de Fórmula 1 mais uma vez e nosso objetivo é continuar a realizar esta operação no Terminal de Cargas de Viracopos, que é um dos mais seguros, ágeis e eficientes da América Latina”, disse o Diretor-Presidente da Concessionária Aeroportos Brasil Viracopos, Gustavo Müssnich.

COMPARTILHAR