O CEO da JetBlue Airways relatou nessa semana que está confiante na eficiência do novo Airbus A321 LR, inclusive para realizar a expansão da empresa, realizando voos transatlânticos para a Europa.

Ele aproveitou para descartar qualquer interesse no Boeing NMA, um novo jato da fabricante americana que está atraindo a atenção das companhias dos EUA. De acordo com ele, a companhia não precisa desse potencial de expansão em um futuro próximo.

O CEO destacou que a partir de Nova York e Boston, onde a JetBlue concentra a maior parte de suas rotas, o Airbus A321neo LR é capaz de cumprir voos para destinos como Madrid, Londres e Paris, devido ao alcance expandido de 7400 km proporcionado por três tanques auxiliares de combustível.

A JetBlue ainda não encomendou o A321neo LR, mas está avaliando quantas aeronaves encomendará, e planeja anunciar sua decisão ainda em 2018.

This post is available in: pt-brPortuguês