A Malaysia Airlines finalizou a sua ordem com a CFM International para encomendar motores LEAP-1B para equipar as 25 aeronaves Boeing 737 MAX que a companhia aérea deverá receber a partir de 2019. Atualmente o motor LEAP-1B é a única opção para propulsionar toda a família 737 MAX

Comparando com o CFM 56, que equipa a série NG da Boeing, ele tem as pás do fan frontal revestida em carbono em fibra 3-D, esse motor também conta com um sistema de rejeição de detritos, além de ser o primeiro com uso de materiais em matriz cerâmica (CMC). A parte interna submetida ao calor é feita em uma liga leve de titânio.

O menor peso e maior durabilidade desses componentes fornecem irá resultar em uma melhoria de 15% em eficiência de combustível, com uma redução de 50% nas emissões de CO2. O motor ainda diminuiu o seu custo operacional em relação a geração anterior.

A assinatura foi assistida pelo Datuk Seri Najib Tun Razak, primeiro-ministro da Malásia; Tan Sri Mohd Nor Mohd Yusof, presidente da Malaysia Airlines Berhad; e Jeff Immelt, Presidente e CEO da General Electric (GE), empresa-mãe da CFM. A CFM International é uma empresa conjunta 50%/50% entre a GE e a Safran Aircraft Engines.

Toda a frota atual de 54 aeronaves 737 NG da Malaysia Airlines é movida por motores CFM 56.

COMPARTILHAR