No mês de setembro, 707 mil viajantes ocuparam acentos para viagens internacionais. Este número significa um aumento de 15,6% na movimentação de passageiros no Brasil, em comparação com o ano anterior. O maior nível alcançado para o mês na série histórica da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), iniciada em 2000.

Segundo relatório do órgão, o transporte de passageiros cresceu 7% em relação ao mesmo mês de 2016. Ao todo, foram transportados 8,2 milhões viajantes que compraram passagens para voos domésticos ou internacionais. O transporte de cargas e mala postal teve aumento de 6% no mesmo período, somando mais de 55 mil toneladas.

Além disso, o mercado internacional apresentou alta pelo 12º mês consecutivo. No acumulado do ano, o transporte de passageiros cresceu 11,8%, em comparação ao mesmo período de 2016.

INTERNO – No mercado doméstico foram transportados 7,5 milhões de passageiros pagos em setembro deste ano, que representou crescimento de 6,6% em relação a setembro de 2016, sendo a sétima alta consecutiva nos nove meses de 2017. No acumulado de janeiro a setembro, a alta registrada é de 1,02%.

Nas viagens internacionais, a movimentação foi de 707 mil viajantes, um aumento de 15,6% na comparação com o ano anterior, sendo o maior nível alcançado para o mês na série histórica da Anac, iniciada em 2000. Além disso, o mercado internacional apresentou alta pelo 12º mês consecutivo. No acumulado do ano, o transporte de passageiros cresceu 11,8%, em comparação com igual período de 2016.

TRANSPORTE DE CARGAS – O transporte de carga paga e mala postal no mercado doméstico, em setembro, foram de 35,7 mil toneladas. O número representou um crescimento de 0,8% em relação ao mesmo mês do ano anterior. Nos nove primeiros meses do ano houve uma queda acumulada de 0,1%.

Em relação ao mercado internacional, foi 19,2 mil toneladas transportadas, o maior valor para o indicador desde o início da série histórica da Anac. O aumento registrado foi de 35,3% ante o mesmo mês do ano anterior, além de ser a quinta alta consecutiva em 2017.

COMPANHIAS AÉREAS – As empresas Gol e Latam permaneceram líderes na participação no mercado doméstico em setembro, com 35,6% e 33,2% da demanda, respectivamente. Em comparação com setembro de 2016, a participação de mercado das duas empresas foi reduzida em 2,2%. A Azul alcançou participação de 17,6% no mês, enquanto a Avianca respondeu por 13,1%.

 

Via – Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil

This post is available in: pt-brPortuguês