A Mitsubishi transferiu mais um MRJ para os Estados Unidos recentemente. A aeronave FTA-3, o 4º MRJ da frota de testes, pousou no dia 1º de abril em Moses Lake (Washington) após uma viagem de travessia do Oceano Pacífico que durou 19 dias, desde que o FTA-3 decolou de Nagoya, no Japão.

A aeronave parou em Guam, as Ilhas Marshall, Honolulu (Havaí) e San Jose. Todo esse atraso na travessia foi causada por problemas nos três sistemas hidráulicos, em Honolulu a Mitsubishi conseguiu investigar as causas do problema e trocar as peças que precisavam de reparos.



Foto – Mitsubishi/Reprodução

Agora a Mitsubishi tem quatro aeronaves MRJ em testes na costa Oeste dos Estados Unidos, os aviões FTA-1, FTA-2 e FTA-4 já estão desde 2016 em solo americano para realizar os testes. O FTA-3 deveria ser transferido no final de 2016, porém os diversos problemas na aeronave fizeram a Mitsubishi adiar para março deste ano e ainda atrasar o programa de desenvolvimento do MRJ em mais 2 anos.

Agora a Mitsubishi trabalhará para redesenhar a localização dos aviônicos e cabos da aeronave. O redesenho desses sistemas é mais um motivo da Mitsubishi ter adiado a primeira entrega para 2020. Anteriormente o MRJ estava previsto para ter sua primeira entrega em 2018.