No último fim de semana, dias 21 e 22, o Museu Aeroespacial (MUSAL), localizado no Campo dos Afonsos, Rio de Janeiro (RJ), realizou a primeira edição do MUSAL AIRSHOW, que superou a expectativa de público e atraiu mais de 50 mil pessoas. O evento é realizado há 31 anos, mas em 2017 ganhou novo nome e um dia a mais de programação.

Foto – Força Aérea Brasileira/Divulgação

A festa marcou as comemorações do Dia do Aviador e da Força Aérea Brasileira – comemorado em 23 de outubro. O público presente pôde conhecer o MUSAL e também aeronaves abertas para visitação interna, como Mirage 2000, CBA Vector, C-130 Hércules, C-115 Búfalo, AT-26 Xavante e os helicópteros Sea King e H-34 Super Puma. Já o domingo foi marcado pelos shows aéreos.

No domingo, mesmo sob ameaça de chuva, todas as apresentações aconteceram. A grande atração do dia, a Esquadrilha da Fumaça, teve seu início mais cedo do que o previsto, levantando o público com suas manobras de perder o fôlego.

Foto – Força Aérea Brasileira/Divulgação

O evento ainda contou com as apresentações da Esquadrilha CEU, acrobacias de T-6 Texan, simulação de resgate feita pelo Esquadrão Puma (3º/8º GAV), Esquadrão Falcões de salto livre, lançamento de paraquedistas pelo 3º ETA e ultraleves.

Em terra, a Banda de Música da Base Aérea dos Afonsos e a banda Conecta Groove fizeram um show no palco, o grupo de reencenação Monte Castelo contou a história da aviação durante a Segunda Guerra Mundial.

 

Via – Força Aérea Brasileira

COMPARTILHAR