Nenhum passageiro do voo da Air Berlin ficou assustado durante a manobra

Pilotos do último voo de longa distância da Air Berlin – segunda maior companhia aérea da Alemanha, prestes a encerrar operações devido a uma crise financeira – foram suspensos e estão sendo investigados após realizarem uma manobra arriscada e incomum durante aterrissagem no Aeroporto de Düsseldorf esta semana.

De acordo com os relatos, o ‘rasante’ próximo à torre de controle causou pânico aos 200 passageiros da viagem oriunda de Miami. Imagens compartilhadas nas redes sociais mostram que a aeronave A330 voou baixo pela pista, depois subiu e se inclinou bruscamente para a esquerda antes de pousar, em sua segunda aproximação.

Incrivelmente, ao contrario do que relatado, após o aparecimento dos videos online, é possível notar em uma filmagem registrada a bordo, como todos os passageiros estavam tranquilos, honrados por aquela volta do último voo da empresa alemã.

Mesmo assim, as autoridades da aviação alemã consideram que a condução registrada não se enquadra nem mesmo no procedimento normal de arremeter (go-around), que ocorre quando um pouso é abortado – e o piloto retoma o voo – por falhas ou risco.

As duas filmagens a seguir mostram 2 voos com passageiros da AirBerlin se despedindo com uma linda ondulação das asas.

Normalmente, o aeroporto congratula-se com as novas companhias aéreas com uma saudação de canhões aquático pela brigada de bombeiros. Desta vez, no aeroporto de Düsseldorf os bombeiros usaram o canhão de água para despedir-se de uma companhia aérea que se baseou no aeroporto há décadas. Foi um dia muito triste e muitos funcionários estavam observando a última saudação. Três marshallers escoltaram o Airbus A330 no seu último caminho para a pista ativa.

 

COMPARTILHAR