Não é apenas o Brasil que pode ter caças suecos, a Croácia também pode ter na sua linha de defesa aérea equipada com caças Gripens.

Na mesma competição por novos caças da Croácia está o Saab JAS 39 Gripen C/D, ainda a geração antiga do Gripen, e os F-16 que pertenciam à Força Aérea de Israel.

O jogo de vendas entre as autoridades militares croatas e os suecos é intenso, a Saab tenta de várias formas convencer o Governo da Croácia que os JAS 39 são a melhor opção para a substituição dos obsoletos MIG-21 da Croácia, mas até agora o Governo Croata não decidiu nada referente à escolha do novo caça, e o prazo para a escolha deve sair até o dia 30 desse mês.

Poucas informações são passadas para o público em geral, mas tudo leva a crer que as melhores opções são os F-16C Barak já usados de Israel e os Gripen C/D novos direto da fábrica da Saab, e esse é um dos argumentos que a fabricante sueca joga para os croatas.

Caso a Croácia adquira o Gripen JAS 39, ela se tornaria a terceira nação fora a própria Suécia que opera caças Gripen C/D, as outras duas são a África do Sul e a República Tcheca. O Brasil também terá um caça sueco, porém os mesmos são um modelo mais moderno do caça atual (Gripen E/NG) e alguns serão construídos no Brasil.

This post is available in: pt-brPortuguês