News Outros

Piloto da Air India esquece de retrair trem de pouso e precisa pousar antes do previsto

Um Airbus A320 da Air India estava cumprindo o voo 676 no dia 22 de julho, indo de Calcutá para Mumbai, porém os pilotos da aeronave decolaram e esqueceram de recolher o trem de pouso, o resultado foi um alto consumo de combustível, gerado pelo arrasto do conjunto durante o voo de alta velocidade.

Por essa causa os pilotos precisaram pousar em Nagpur para reabastecer a aeronave, com o alto consumo de combustível não previsto a aeronave não conseguiria chegar em Mumbai com segurança. Haviam 99 passageiros a bordo desse voo.

“Após a decolagem ambos os pilotos esqueceram de retrair o trem de pouso. Como resultado o Airbus A320 continuou a subir lentamente. O avião finalmente parou de subir depois que atingiu uma altitude de 24000 pés, pois o trem de pouso acrescentava muito arrasto e impedia a aeronave ganhar velocidade e altitude. Em seguida, estabilizou e voou com 230 nós por uma hora e meia”, disse a Times of India.

Quando os pilotos perceberam o erro entraram em contato com o controle de tráfego para fazer uma escala em Nagpur somente para reabastecer o avião. A companhia aérea retirou os dois pilotos de atividade e disse estar investigando o ocorrido.

 

Nota do Editor – Esse não é um incidente grave de segurança, um procedimento não foi seguido no checklist da aeronave e resultou neste erro, se isso ocorreu sem intenção não deixa de ser um erro inusitado, visto que os pilotos não sentiram a vibração causada pelo arrasto e nem o barulho do ar batendo na estrutura do trem de pouso. No A320 há sinais luminosos no painel frontal indicando trem de pouso acionado.

Via – Financial Express

About the author

Redação Aeroflap

Redação Aeroflap

Newsletter

[newsletter_signup_form id=1]

Facebook

Em busca de hotel?


Share This