Dezenas de passageiros da Eurowings ficaram chocados ao descobrir que o piloto do voo de Düsseldorf para Dresden decidiu decolar sem eles. A companhia aérea explicou mais tarde que ele teria que ter decolado antes que a proibição dos voos noturnos começasse.

O incidente ocorreu no aeroporto de Düsseldorf na sexta-feira à noite. Os passageiros foram divididos em dois ônibus para chegar ao avião. Aqueles que estavam no primeiro ônibus conseguiram embarcar, mas a outra metade não.

Parece que o piloto do quisesse decolar antes que a proibição dos voos noturnos começasse. então ele decolou sem esperar os restantes passageiros. Aparentemente, os passageiros do segundo ônibus só conseguiram ver o próprio avião decolar em direção de Dresden.

A mídia alemã informou que de 70 a 90 pessoas não conseguiram chegar em tempo para o voo. E somente 40 conseguiram embarcar.

Os passageiros irritados que foram deixados para trás chamaram a polícia, disse Eurowings. Alguns deles foram transportados de ônibus para Dresden e alguns hospedados em hotéis e pego o voo o dia seguinte.

Inicialmente o voo tinha sido agendada para 19:05, mas a nova hora de partida foi as 21:35. O atraso foi alegadamente devido a uma greve dos trabalhadores dos aeroportos italianos e más condições atmosféricas.

Existem restrições de voos noturnos nos aeroportos alemães De acordo com a legislação, a União Europeia restringe os voos entre 23:00 e 07:00.

COMPARTILHAR