Aeroportos News

Prefeitura de São Paulo decide criar parque no Aeroporto Campo de Marte

Foto - Infraero

Durante uma reunião com o Ministro da Defesa Raul Jungmann, o prefeito de São Paulo, João Doria, resolveu o impasse com o Aeroporto Campo de Marte, famoso por receber aeronaves da aviação geral na grande São Paulo. O aeroporto continuará sendo operado pela Infraero, porém a prefeitura criará um Parque Municipal no local onde existe uma área de mata atlântica, com cerca de 400 mil m².

O prefeito reiterou a criação de um museu aeroespacial no futuro aproveitando o acervo do Museu da TAM, que no momento está fechado em São Carlos. O parque será criado nas proximidades da cabeceira 12, atrás do Hospital de Força Aérea de São Paulo (HFASP).

Todo o sítio aeroportuário tem cerca de 2,1 milhões de metros quadrados e hoje recebe aviões, através da sua pista de 1600 metros (com recuo de 450 metros), e helicópteros. O local foi inaugurado em 1920 e se destaca por ser o primeiro aeródromo da cidade de São Paulo, nasceu antes mesmo de Congonhas existir. A decisão ocorreu poucos dias antes do aeroporto completar 97 anos de operações.

O horário limite de operação do local vai até às 23h, o balizamento noturno ajuda no grande movimento do local, que chega a registrar até 6700 pousos e decolagens por mês, ou cerca de 223 movimentos por dia, em média. No local existe uma das instituições mais antigas do Brasil para ensino de pilotagem, o Aeroclube de São Paulo, que foi inaugurado em 1931.

 

Via – Estadão

About the author

Redação Aeroflap

Redação Aeroflap

Newsletter

[newsletter_signup_form id=1]

Facebook

Em busca de hotel?


Share This