O governo russo recentemente comemorou os 10 anos do primeiro voo do Sukhoi SU-35, que decolou pela primeira vez no dia dia 19 de fevereiro de 2008, guiado pelo piloto de testes Sergey Bogdan por aproximadamente 55 minutos.

A Rússia e principalmente a Sukhoi (hoje UAC- United Aircraft Corporation) são conhecidas por fabricar caças famosos e de destaque no cenário mundial. Alguns exemplos são o SU-27, SU-30 e o último e mais moderno o, SU-57.

O SU-35 destaca-se por ser um caça de 4++, tem uma manobrabilidade muito boa, motores de empuxo vetorizado, além de um radar phased array. No requisito autonomia, o tamanho do caça é a palavra chave, o SU-35 é capaz de alcançar cerca de 3400 quilômetros. O caça da Sukhoi também é capaz de chegar a velocidades acima de Mach 2.

Desde quando foi anunciado e projetado, o governo da Rússia já havia se interessado por ter vários lotes do SU-35, e assim o fez. Em 2015 foi fechado um contrato que previa 50 unidades do jato.

Além da Rússia, a Indonésia e a China também despertaram interesse pelo SU-35, sendo que a China comprou 24 Sukhois e a Indonésia, segundo os meios de mídia do país, assinou um contrato de 11 unidades do caça.

This post is available in: pt-brPortuguês