Na semana passada um avião de testes da linha MRJ, fabricado pela Mitsubishi, sofreu um problema de fogo no motor, precisando retornar em emergência para o aeroporto de Portland International, nos EUA. A aeronave afetada foi o segundo MRJ de testes fabricado, 

Desde então a aeronave está impossibilitada de voar enquanto não haver uma esclarecimento das falhas no motor Pratt & Whitney PW1200G , a fabricante está investigando o que causou o fogo no motor durante o voo.

Devido a esse problema a Mitsubishi decidiu suspender todos os voos de testes com aviões da linha MRJ, que estão sendo realizados nos Estados Unidos. Por enquanto a fabricante japonesa não espera um novo atraso para a certificação da aeronave, que está agendada para meados de 2020, bem como a primeira entrega.

A Mitsubishi afirmou que o fogo causou danos no motor, mas não condenou totalmente o componente. A aeronave voltou para a base da fabricante, em Moses Lake, após um motor temporário ser instalado, mas não há uma autorização para realizar voos, por enquanto.

No total a Mitsubishi usa quatro aeronaves de testes em voo para certificar o MRJ 90, outras aeronaves estão sendo usadas para testes em solo.

 

Via – FlightGlobal

This post is available in: pt-brPortuguês