Aeronaves News

Toda a frota de Sukhoi SJ100 está no chão por problemas estruturais

Protótipo do SJ100 em testes pela Sukhoi.

O Sukhoi SJ100 está mais uma vez enfrentando sérios problemas. Devido a uma constatação de fadiga na seção de cauda feita pelo Rosaviatsia, um órgão russo responsável pela aviação no país, o SJ100 está com sua frota na Rússia totalmente paralisada.

A Rosaviatsia determinou que a frota só poderá voltar a operar normalmente após uma inspeção geral sobre o problema, tudo isso foi causado por uma análise da companhia IrAero, que encontrou fadiga de material. A paralisação total da frota na Rússia é para verificar se outras aeronaves também sofrem precocemente dessa fadiga de material na seção do cone de cauda.

A Sukhoi disse que “está apoiando o processo de inspeção para certificar a apoiar a aeronavegabilidade do SJ100”, a empresa também espera que todas as companhias verifiquem suas aeronaves, para manter a confiança na utilização do SJ100.

Somente ontem a principal companhia aérea da Rússia, a Aeroflot, cancelou 21 voos com o SJ100 após o comunicado oficial da Rosaviatsia. O SJ100 é uma nova aposta da Aeroflot em aviões fabricados na Rússia, após a aposentadoria de aeronaves como o IL96. Outra aposta da Aeroflot é o MC-21,  uma aeronave que está em testes pela UAC , um conglomerado de indústrias aeronáuticas da Rússia.

O SJ100 não é fabricado somente pela Rússia, a Sukhoi trabalha em colaboração com fabricantes europeias como a Thales e a Safran, que fabricam os aviônicos e motores, respectivamente. Tanto a Sukhoi como a Aeroflot relatam que o SJ100 é totalmente seguro, mesmo após alguns incidentes e o acidente de 2012.

 

Fonte – New York Times

About the author

Redação Aeroflap

Redação Aeroflap

Newsletter

[newsletter_signup_form id=1]

Facebook

Em busca de hotel?


Share This