A Virgin Atlantic confirmou hoje que cancelou a sua encomenda para 6 aeronaves da linha Airbus A380. O resultado desse cancelamento foi incluído também nos dados financeiros da empresa.

Essa encomenda foi realizada juntamente à Airbus, porém não constava na lista de pedidos da empresa que era para a Virgin Atlantic.



“Na sequência de uma análise aprofundada da nossa frota, tomamos a decisão de não prosseguir o nosso pedido de seis Airbus A380”, disse a companhia em nota oficial. “Acreditamos que o A350-1000 servirá melhor aos nossos clientes e à nossa rede, e nos permitirá continuar reduzindo as emissões de carbono da nossa frota, através do nosso investimento contínuo em aeronaves mais silenciosas e eficientes em termos de combustível”.

A350-1000 da Virgin em ilustração.

A companhia foi uma das primeiras que declarou seu interesse pelo maior avião de passageiros do mundo, em 2001, mas ficou adiando as suas entregas, enquanto investia em aeronaves menores, como o Boeing 787 e o Airbus A350-1000.

 

Via – FlightGlobal