Azul

A partir do mês de julho, a Azul vai ampliar a oferta de voos em Pernambuco com a abertura de uma nova base em Garanhuns, no coração do agreste pernambucano.

Com isso, a companhia passará a contar com seis bases de operações no estado, contando com as cidades de Caruaru, Fernando de Noronha, Petrolina, Serra Telhada e a capital, Recife, principal centro de operações da Azul no Nordeste.  

O anúncio da nova base foi feito nesta segunda-feira, no Palácio do Campo das Princesas em Recife, pelo governador Paulo Câmara, ao lado da secretária estadual de infraestrutura e recursos hídricos, Fernandha Batista, e do gerente de relações institucionais da Azul, César Grandolfo.

Os voos entre os aeroportos de Garanhuns e Recife serão operados pela Azul Conecta, empresa sub-regional da Azul, com monomotores turboélice Cessna Grand Caravan, de nove lugares.

Azul Conecta PS-CND Cessna Grand Caravan

Os voos comerciais começam a operar regularmente a partir do dia 20, partindo de Recife às 13h15 e com chegada a Garanhuns prevista às 14h20. No sentido inverso, a decolagem deve ocorrer às 14h45 e o pouso na capital pernambucana será às 15h45.

“Recife não é só a ‘casa’ da Azul no Nordeste, como também é rota de milhares de passageiros que passam por aqui diariamente, seja para ficar na cidade ou para fazer conexão para outros destinos, inclusive no interior do estado. Do aeroporto, partem 77 voos diários, sem escalas, para 35 destinos espalhados por todo o Brasil e 70% desses voos são da Azul. Um dos nossos principais compromissos é conectar as mais diferentes regiões do País e ir para lugares onde nunca estivemos, sempre oferecendo uma experiência de excelência aos nosso clientes”, destacou César Grandolfo, gerente de Relações Institucionais da Azul.  

As vendas de passagens começaram ainda nesta segunda-feira em todos os canais oficiais da empresa. Além da nova base em Garanhuns, a Azul também prevê iniciar operação no município de Araripina, também em Pernambuco, no segundo semestre.

De acordo com a secretária Fernandha Batista, o início das operações em Garanhuns vai fomentar o crescimento econômico não apenas da cidade, mas também de toda a região do Agreste Meridional.

“Essa ação vai potencializar a economia e os atrativos turísticos da região, gerar mais emprego e renda para a população local, além de reduzir o tempo de viagem e conectar a cidade com municípios de todo o país e também com o exterior”, projeta a titular da pasta.

Veja mais em www.voeazul.com.br

 

Confira como fica a malha para Garanhuns:

Recife (REC) – Garanhuns (QGP)  

*A partir de 20 de julho*  

Origem  

Saída  

Destino  

Chegada  

 Frequência  

Recife  

13:15  

Garanhuns  

14:20  

Segundas, quartas e sextas  

Garanhuns  

14:45  

Recife  

15:45  

Segundas, quartas e sextas  

 

Recife (REC) – Garanhuns (QGP)  

*A partir de 19 de outubro*  

Origem  

Saída  

Destino  

Chegada  

 Frequência  

Recife  

22:45  

Garanhuns  

23:50  

Exceto aos sábados  

Garanhuns  

06:00  

Recife  

07:00  

Exceto aos domingos