Aeroporto de Confins chega a 37 destinos atendidos, e espera expansão internacional

Foto - BH Airport/Divulgação

​O Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, está preparado para atender à demanda da alta temporada 2021. Ao longo de todo o mês de janeiro, o aeroporto terá voos diretos para 37 cidades, sendo 35 brasileiras e os voos internacionais para a Cidade do Panamá e Lisboa (Portugal).

Desse total, 31 operações são regulares e seis são sazonais, que são os casos de Cabo Frio (RJ), Búzios (RJ), Guarapari (ES), João Pessoa (PB), Aracaju (SE) e Foz do Iguaçu (PR). 

Todos esses mercados já estão sendo atendidos desde dezembro de 2020, com exceção de Aracaju, operação da Azul que começa agora com a realização de cinco voos semanais partindo do aeroporto. 

Esses destinos se somam a outros 30 que já estavam em operação: Jericoacoara (CE), Maceió (AL), Natal (RN), Teixeira de Freitas (BA), Ribeirão Preto (SP), Florianópolis (SC), Vitória da Conquista (BA) , Barreiras (BA), Carajás (PA), Fortaleza (CE), Curitiba (PR), Governador Valadares (MG), Goiânia (GO), Ilhéus (BA), Porto Alegre (RS), Brasília (DF), Cuiabá (MT), Congonhas (SP), Guarulhos (SP), Montes Claros (MG), Santos Dumont (RJ), São Luiz (MA), Uberlândia (MG), Campinas (SP), Vitoria (VIX), Belém (PA), Porto Seguro (BA), Recife (PE), Salvador (BA) e o internacional da Tap para Lisboa (Portugal).  

“A entrada de novos destinos e a programação de voos extras têm o intuito de atender os passageiros que desejam retomar as viagens a lazer durante o verão. Nossa ideia é manter as operações com a máxima segurança possível para que todos tenham a tranquilidade e confiança em voar e circular pelo terminal. Estamos sempre em busca de ampliar a conectividade de Minas Gerais com o Brasil e também com o mercado internacional”, avalia Clayton Begido, gestor de Conectividade e Aviação da BH Airport.  

O verão segue movimentando o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins. A expectativa é que cerca de 700 mil pessoas passem pelo terminal ao longo de janeiro, aumento de 15% em relação a dezembro.

Já o número de voos deverá chegar a cerca de 6.000, alta também de 15% na comparação com o mês anterior. Além disso, esse volume representa uma retomada de cerca de 80% das operações que ocorriam em fevereiro de 2020.   


Antes da pandemia, cerca de 30 mil pessoas circulavam diariamente pelo Aeroporto Internacional de Belo Horizonte e em torno de 300 voos eram operados por dia entre pousos e decolagens. Eram oferecidos voos para 45 destinos, sendo cinco internacionais (Orlando, Fort Lauderdale, Buenos Aires, Panamá e Portugal).  

 

DEIXE UMA RESPOSTA