Infraero Aeroporto de Congonhas
Foto: Infraero/Divulgação

Os aeroportos da Infraero com voos comerciais regulares devem receber cerca de 776 mil passageiros, entre embarques e desembarques, no período de 29 de outubro a 3 de novembro. O movimento representa 54% do registrado no mesmo feriado em 2020, quando os aeroportos da Rede Infraero receberam 503.629 passageiros.

Os dias de maior fluxo serão esta sexta-feira (29/10), com 147.446 viajantes, e a próxima quarta-feira (3/11), com 156.381. No período, também são esperadas 6.089 operações de pousos e decolagens.

A projeção foi elaborada a partir das programações informadas pelas empresas aéreas e comparou o estimado para 2021 com o mesmo feriado de 2020, quando houve redução nas atividades em função da pandemia de COVID-19.

Clique aqui para ver as estimativas de movimentação.

 

Viagem tranquila

A Infraero trabalha para que passageiros, empresas aéreas e demais funcionários e frequentadores tenham tranquilidade nos aeroportos. Para isso, a empresa tem adotado as recomendações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) sobre distanciamento social, uso de máscara e higienização das mãos dentro dos terminais, que estão sinalizados e têm veiculado mensagens audiovisuais. Essas recomendações também estão no site da Infraero.

Além disso, é recomendado que os passageiros cheguem ao aeroporto com antecedência mínima de 1h30 para voos domésticos e 3h para voos internacionais.

Também foram reforçadas as medidas de segurança e fluidez nas operações e no funcionamento de toda infraestrutura aeroportuária. O objetivo é manter os níveis de conforto e a segurança de passageiros, operadores aéreos e demais usuários dos aeroportos.

O atendimento e as orientações aos viajantes também contam com os “amarelinhos” da Infraero: funcionários de colete amarelo com a frase “Posso Ajudar/May I Help You?” estarão usando equipamentos de proteção individual e prontos para auxiliar as pessoas que chegam e partem nos terminais.

 

Guia do Passageiro

Informações sobre viagens, direitos e responsabilidades do passageiro e da companhia aérea podem ser conferidas nas orientações da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). A página traz informações sobre oferta e compra de passagem, documentos para embarque, orientações em caso de atraso, cancelamento e preterição, acessibilidade, entre outras.

 

 

Via: Infraero

 

DEIXE UMA RESPOSTA