A Aigle Azur recebeu hoje (09/09) as propostas para compra ou restauração da empresa, enquanto enfrenta uma grave crise financeiro que suspendeu vários voos da companhia aérea francesa.

Ao todo cerca de 14 propostas foram apresentadas por diversas empresas, incluindo uma citada em uma publicação anterior do Portal Aeroflap, realizada pelo Grupo Air France-KLM.

A proposta da Air France foi destacada como “Principal”, e envolve o pagamento de 15 milhões de euros pela Aigle Azur, além da contratação de 800 funcionários da companhia, os slots da Aigle Azur no Aeroporto de Orly, em Paris, seriam transferidos para a Air France.

A Air France prometeu até mesmo alocar os passageiros da Aigle Azur em outros voos, a partir da sua própria malha, solucionando imediatamente o problema, mas concentrando ainda mais o mercado de aviação na França.

Ao mesmo tempo as companhias Air Caraibes, EasyJet, French Bee e Vueling demonstraram interesse nas operações da Aigle Azur, mesmo com dívidas, salários atrasados e sem poder realizar voos.

Outra proposta foi realizada pelo Grupo Debreuil, também da França, que propôs o mesmo valor pago pela Air France, mas declarou que vai trazer para sua empresa cerca de 106 funcionários da Aigle Azur, que hoje tem mais de 1100 colaboradores.

Enquanto a proposta de todas as empresas são de baixo valor, devido às dívidas da Aigle Azur, o faturamento da empresa é alto para uma frota de apenas 9 aviões, totalizando 300 milhões de euros por ano, algo que também atrai investidores, além dos slots em Paris.

A Aigle Azur utiliza uma frota de nove aviões Airbus A330 e A320, e declarou recentemente o cancelamento dos seus voos a partir do dia 10 de setembro, sendo que os voos para o Brasil foram cancelados no dia 05 de setembro. Milhares de clientes aguardam uma solução, enquanto a empresa não tem caixa para reembolsar esses bilhetes.

DEIXE UMA RESPOSTA