A Air Asia X cancelou o seu pedido para o Airbus A350, no total a companhia tinha encomendado 10 aeronaves desse modelo, visando uma expansão no mercado Low Cost em voos de longa distância a partir da Ásia.

No comunicado oficial o CEO da companhia, Tony Fernandes, justificou o cancelamento devido ao preço do A350, na análise do CEO a aeronave custa muito para o mercado que a companhia deseja atingir.

A encomenda foi originalmente realizada em 2009, cerca de quatro anos antes do A350-900 voar pela primeira vez.

A companhia encomendou nos últimos anos 66 aviões do modelo A330-900neo, e planeja usar esses aviões para sua frota que atende voos de longa distância. Além disso o CEO declarou que está conversando com a Boeing sobre o 787-10, concorrente do A350-900.

O A350-900 custa US$317,4 milhões, de acordo com a lista de preços da Airbus, enquanto o A330-900neo custa US$ 296,4 milhões, apesar de transportar uma quantidade menor de passageiros.

O CEO pode avaliar também uma possível troca das encomendas do A330-900neo pelo 787, mas isso dependerá de conversas com a Boeing.